segunda-feira, 25 de outubro de 2010

OS PROGRAMAS DE GOVERNO!!!

          Estamos na reta final da campanha presidencial do Brasil. É um fato importante e  que até agora o que não se viu foi justamente a discussão sobre os programas de governo. Na última semana do primeiro turno (uma verdadeira Chuva de Boatos clique) tivemos a entrada da igreja na campanha utilizando o tema do aborto (clique aqui) e também em relação a proibição de cultos religiosos em repartições públicas (clique aqui) (entre vários outros). 
          O que mais se falou, do final da semana passada até o início desta ,foram  a questão das bexigas de áqua jogadas na candidata Dilma em comiício realizado em Curitiba no Paraná(esse fato não saiu na rede globo) e a questão da bola de papel que atingiu a careca do José Serra em comício realizado noRio de Janeiro . Um verdadeiro fato, de interesse nacional, que pode ser visto no vídeo abaixo:
video

          Neste vído abaixo, temos  uma analise feita pelas reportagens, sobre a bolinha que atingiu a careca do José Serra, feitas no Jornal Nacional (Rede Globo) e no Jornal do SBT:
video


          Mas, antes desses fatos, importantíssimo para o destino da nação brasileira, ocorreu outros fatos, como a distribuição de panfletos em igrejas (e ainda continuam ocorrendo), condenando a candidata Dilma Russef, sobre a questão do aborto e que esses panfletos tinha o apoio da CNBB (Igreja). Veja vídeo abaixo:

video

          Em muitas ocasiões, esses panfletos, estão sendo distribuídos com o apoio de alguns padres e setores da igreja. Só que me veio os seguintes questionamentos: os padres estão informando aos seus fieis quem está pagando por esses panfletos? Se são políticos, eles estão informados a seus fieis quem são esses políticos? Se não são políticos, os panfletos estão sendo pagos com dinheiro dos fieis (dízimo)? Quais os verdadeiros interesses desses padres em acusar Dilma Russef de ser a favor do aborto quando se sabe que a própria mulher de José Serra já praticou o aborto(clique aqui)? E tem a questão do próprio José Serra ter assinado autorizando alguns abortos pelo SUS (Sistema Único de Saúde), quando era Ministro da Saúde, no governo de Fenando Henrique Cardoso (FHC).

Um comentário:

  1. Não sei que é pior, a Globo ou o José Serra!!! Depois esses jornalistas ficam dizendo e defendendo Liberdade de Imprensa. Estão confunindo Liberdde de Imprensa com libertinagem. Sem falar que o objetivo principal da imprensa é informar os fatos como ele realmente são e não mostrar a parte que interessa e a outra esconde. Pelo visto vão ficar as coisas consideradas ruim do José Serra pelo resto da vida dele!!!!

    ResponderExcluir