quinta-feira, 23 de julho de 2020

As informações nos livros didáticos II

A Guerra Fria

Com o passar do tempo as pessoas vão aprimorando os estudos e galgando mais altos níveis na carreira escolar e nessas passagens de níveis na carreira escolar as pessoas começam a descobrir que as informações que foram passadas nos anos anteriores foram passadas filtradas ou mesmo manipuladas.

Figura 01. Esse mapa é o padrão usado para mostrar possíveis ataques nucleares e rotas de viagens nos livros didáticos, jornais  e programas jornalísticos nas televisões.


Hoje as informações dos livros didáticos são encontradas em outras formas de divulgação e facilitando o acesso ao um maior número de pessoas. Como o decorrer do tempo tivemos o surgimento das rádios, televisões, computadores, discos gravados com livros e filmes digitais e com a chegada da internet foi facilitado o acesso livros e vídeos digitais. Com o surgimento dos aparelhos portáteis  o se tornou mais fácil  rápido e se conectam a internet a todo momento e em todo lugar as informações passaram a ser mais fáceis de serem manipuladas e também mais fáceis de serem interpretadas. O problema é que as facilidades de acesso em vez de fazerem as pessoas pensarem melhor está fazendo com que a maioria deixe de pensar.

sexta-feira, 10 de julho de 2020

Os Abandonos das Escolas Públicas


Escola Mun. Sebrão sobrinho
Povoado Mundo Novo
Itabaiana - Sergipe
Sempre estamos acostumados ouvir falar do abandono das Escolas Públicas pelo Poder Público. Analisando as críticas parei para observar e notei que não existe uma estatística de quantas escolas existem abandonadas (se existem não são divulgadas) e os motivos por que tais fatos ocorrem. E o mais interessante é que este abandono nem sempre parte do poder público, existe uma parcela de colaboração e cumplicidade dos moradores e usuários destas escolas. 

Como eram as Escolas Públicas

O que vou descriminar aqui é a minha experiência de vida, ocorrida no Estado de Sergipe e não uma pesquisa científica efetuada para tal.

Na década de sessenta as escolas, principalmente da Zona Rural, eram geralmente escolas com duas salas de aula e que normalmente só funcionava uma sala de aula. Era raro o funcionamento destas escolas com duas salas de aulas

sexta-feira, 3 de julho de 2020

INTERDISCIPLINARIDADE !!!!

Por: Antônio Carlos Vieira



Para atender necessidades do ENEM, segundo informações do MEC, as disciplinas, do chamado ensino médio, irão sofrer nova arrumação. As treze disciplinas que fazem parte da grade curricular irão se fundirem em apenas quatro. A figura abaixo retrata bem o que está se discutindo: 

Quando comecei a lecionar (ano de 1988) lembro-me muito bem que os professores eram contratados para lesionarem 125 horas mensais e em caso de necessidade o contrato era estendido pra 200 horas mensais. Mas, a partir do ano de 2000, todos os professores passaram a ser contratados para 200 horas mensais e portanto ficando inexistente o contrato para 125 horas a partir do referido ano.