quarta-feira, 30 de novembro de 2011

A Gota D' Água e a Tempestade!


Nos últimos dias temos sendo bombardeado pelas opiniões dos artistas da Rede Globo onde eles dão opiniões sobre a Construção da Hidrelétrica Belo Monte no Pará. Recentemente recebi outro vídeo que  se opõe as opiniões dos artistas da Globo e que são a favor da construção desta hidrelétrica. Em vista disso resolvi postar os dois vídeos para quem possam ver as duas versões dos fatos.


Vídeo dos artistas da Rede Globo
É a Gota D' Água


Vídeo dos alunos  e professores da Unicamp
Tempestade em Copo D'água?


Indicações dos vídeos:
Dos artistas da Rede Globo me foi indicado pelo Blog da Cidadania
Dos Alunos e Professores da UNICAMP foi indicado pelo Blog Janela do Abelha 

5 comentários:

  1. Lastimável o papel destes jovens...

    Sou radicalmente contrário a Belo Monte, como a transposição do São Francisco, como Angra III, como a divisão dos dividendos do petróleo...

    Por uma simples razão: Todos eles estão ossificados na lógica da produção e cultura de consumo do modelo capitalista...

    Uma síntese é a base dessa lógica: A exploração do trabalho humano e hoje comprovadamente, a destruição do ambiente natural...

    Sem mais, volto a condenar o papel destes jovens.

    Saúdo-os. Luta - Paz e Pão, Alex Prado.

    ResponderExcluir
  2. Marília Z. Frantz1 de dezembro de 2011 20:42

    Já tinha assitido aos dois videos. Acho que nenhum dos dois propõe um debate profundo da questão relacionada a Belo Monte, que é justamente nosso modelo de produção: questionar Belo Monte é questionar o capitalismo. É isso que está em jogo.

    Assim como questionar Angra III, o pré-sal, o desmatamento, a reforma do Código Florestal, etc. etc. e etc...

    E fazer estes questionamentos não significa ficar na lógica dual capitalismo X socialismo (pois socialismo não garante respeito ao meio ambiente) mas sim colocar a questão "modo de produção X sobrevivência do planeta terra/nossa sobrevivência"....

    ResponderExcluir
  3. Correto Marília...
    O socialismo de hoje não pode seguir os mesmos paradigmas daqueles vivenciados à poucas décadas.
    O cerne da questão é saber dar os passos necessários à um novo mundo. Perfeito.

    Saúdo-a. Luta - Paz e Pão, Alex Prado.

    ResponderExcluir
  4. Só não gostaria de discutir sobre Belo Monte à luz de velas ou sem energia para ligar meu computador, pois é isso que acontecerá muito em breve caso não sejam tomdas medidas adequadas para prever o crescimento do Brasil nos próximos anos. E a energia que será gerada em Belo Monte é limpa e sustentável. Sem levar em conta que levará grande desenvolvimento para uma região que hoje é pobre e carente de investimentos.
    Ismael

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de convidar aos queridissimos atore a olhar esta questoa de dentro da regiao onde sera feito a obra ,de onde eles estao e muito comodo cercado de conforto e desenvolvimento social.

    ResponderExcluir